Oitava Região se destaca em trabalhos de ação social
Projetos assistem famílias carentes, moradores de rua e dependentes químicos
Redação CPIMW
08 de Setembro de 2021

Trabalho da IMW em Jardim Colorado com os moradores de rua

Em meio aos desafios que o mundo enfrenta nos dias atuais, a Wesleyana segue cumprindo o ide e buscando levar a Palavra e suporte aos mais necessitados através de trabalhos de missões e ação social. É o caso da Igreja de Coração de Maria, localizada na Bahia, que têm desenvolvido o projeto Sopão, que conta com uma equipe de cerca de 25 a 30 membros. O resultado do trabalho é expressivo tanto na proporção física dos arrecadados quanto no crescimento espiritual da equipe como um todo.

Com a mobilização deste projeto, os resultados foram significativamente impactantes, com doação de cestas básicas para famílias carentes da igreja, da zona urbana e de localidades mais afastadas do centro da cidade, bem como a moradores das zonas rurais. E o trabalho não parou, todo esse processo serviu ainda mais para o crescimento do trabalho com o sopão. A equipe, por exemplo, é sempre cumprimentada pelas pessoas nas ruas, que ficam felizes em saber que são membros da IMW.

A Igreja de Jardim Colorado, localizada no Espírito Santo, têm desenvolvido o projeto Prato Cheio. Neste projeto, o alvo são os acompanhantes dos hospitais, os moradores de rua e dependentes químicos. Uma equipe sai quinzenalmente para distribuição de alimento, roupa, oração, esperança e fé. Da mesma forma que o Sopão, todo projeto é sustentado através de doações. A equipe de trabalho conta com parceiros e irmãos de outras denominações.

Sempre que a equipe do Prato Cheio sai às ruas, depara-se com dependentes químicos. Por isso, o projeto conta com clínicas de reabilitação parceiras, contato direto com os diretores desses lugares. Desta forma, o encaminhamento daqueles que desejam ir para uma dessas casas de recuperação é facilitado. E isso acontece no mesmo momento em que a pessoa faz o pedido, alguns irmãos colocam seu carro a disposição e levam essa pessoa para a casa de recuperação.

“Poderíamos receber qualquer retorno dos nossos esforços, porém nada há de se comparar com a sensação que sentimos ao ver crianças famintas na rua esperando pelo momento que os carros chegam, o sorriso no rosto daquele que recebe e a emoção no coração daquele que doa. Sem dúvida, a Igreja Metodista Wesleyana está cumprindo o que o Apóstolo Tiago acredita por verdadeira religião, ‘a religião que Deus, o nosso Pai, aceita como pura e imaculada é esta: cuidar dos órfãos e das viúvas em suas dificuldades e não se deixar corromper pelo mundo. Tiago 1.27’. Estamos lutando com todas as nossas forças para mantermos a nossa fé no nosso Senhor, não nos permitindo contaminar pelas coisas do mundo, e com a mesma intensidade, cuidamos daqueles que precisam de apoio”, relatou o noticiarista regional, Tsunami Alomba.

Trabalho da IMW Coração de Maria
 

WTV

Dúvidas, sugestões e reclamações, entre em contato pelo e-mail redacao@cpimw.com.br.
O Voz Wesleyana é o órgão oficial da Igreja Metodista Wesleyana.
Sede da redação: Rua Venância, 17, Xerém, Duque de Caxias, RJ.
© Todos os direitos reservados. 2020