Nacionalistas defendem fechamento de igrejas em região da Índia
Líder do grupo alega que "O cristianismo é contra as tradições tribais e deve acabar”
Redação CPIMW
17 de Fevereiro de 2021

(Foto: Reprodução/Portas Abertas)

O site da Associação Portas Abertas noticiou que um grupo nacionalista hindu pediu a proibição das práticas cristãs e o fechamento de igrejas em áreas tribais no estado central de Madhya Pradesh, na Índia. O país ocupa a décima posição na Lista Mundial de Perseguição 2021, que traz o ranking dos 50 países mais hostis ao Evangelho.

“O cristianismo é contra as tradições tribais e deve acabar”, disse o líder nacionalista hindu aos moradores da vila de Amba, no distrito de Jhabua, no oeste do estado, segundo informações da Portas Abertas.

De acordo com um líder cristão local, a campanha para acabar com a atividade cristã nas tribos é uma estratégia para “dividir e governar” vinda dos nacionalistas hindus, que acreditam que todos os indianos devem ser hindus para não ameaçar a maioria hindu. Cerca de 4% da população do distrito de Jhabua é cristã.

Azad Prem Singh, líder local de um grupo nacionalista, realizou uma marcha de protesto pela cidade de Jhabua e, ao final, entregou um memorando aos funcionários do governo do distrito. O documento pede que “todas as igrejas construídas ilegalmente sejam fechadas imediatamente e ações devem ser tomadas contra todos os líderes cristãos envolvidos”.

“De acordo com a Constituição indiana, as tradições, culturas, línguas e outras práticas dos povos indígenas são obrigadas a serem protegidas e ninguém de fora pode mudá-las”, complementou Singh ao portal de notícias UCAN. Ele exige também que os cristãos do distrito sejam impedidos de receber benefícios destinados aos povos indígenas.

O estado de Madhya Pradesh é governado pelo Partido Nacionalista Hindu Bharatiya Janata e, em dezembro, foi aprovada uma legislação que criminaliza “conversões ilegais” após rumores de que homens muçulmanos haviam atraído meninas hindus em casamentos para convertê-las à força. 

(Fonte: Portas Abertas)

 

Dúvidas, sugestões e reclamações, entre em contato pelo e-mail redacao@cpimw.com.br.
O Voz Wesleyana é o órgão oficial da Igreja Metodista Wesleyana.
Sede da redação: Rua Venância, 17, Xerém, Duque de Caxias, RJ.
© Todos os direitos reservados. 2020